“Tinham a vida pela frente”, diz prima de um dos 6 jovens mortos em acidente no Entorno

0
109


Os seis jovens encontrados mortos dentro de um carro, no Entorno do Distrito Federal, na manhã desse domingo (5/9), estavam a caminho de um rancho, no Lago Corumbá 3, quando sofreram o acidente. O veículo, modelo Gol vermelho, foi encontrado submerso e com as rodas viradas para cima, em um riacho da zona rural de Luziânia.

O motorista era Matheus Saraiva, de 23 anos. Ao lado dele, no banco do passageiro da frente estava Rodrigo Soares Gomes, de 15 anos. No assento traseiro estavam quatro pessoas: Luís Carlos Rodrigues dos Santos, 22 anos; Emerson Madureira de Brito (foto em destaque), 17; Wesley Rodrigues Batista, 28; Eric Bruno Carvalho de Lucena da Silva, 16.

Uma equipe do Corpo de Bombeiros de Goiás (CBMGO) precisou usar um equipamento desencarcerador para retirar os corpos de vítimas, que ficaram presos nas ferragens.

Ao Metrópoles, a prima de Emerson, Caroline de Brito Rocha, de 28 anos, contou que ele morava no Recanto das Emas e estava indo com os amigos para o rancho do tio dele – pai de Caroline. “Temos um rancho ali nas proximidades. Eles já estavam perto, a menos de 7 km de lá”, diz.

A estudante também era amiga de Matheus, que morava em Valparaíso (GO). Ele e Emerson serão enterrados no Cemitério do Gama (DF) na tarde desta segunda-feira (6/9). “Duas pessoas maravilhosas que tinham a vida pela frente”, lamenta ela.

O velório de Emerson teve início às 13h e o sepultamento está marcado para 15h. Já o velório de Matheus começou às 14h. O enterro está previsto para 16h.

Ida ao rancho

Irmão de Caroline e primo de Emerson, Cainã de Brito Rocha, 22 anos, relata que amigos se dividiram em quatro carros para ir ao rancho no sábado a noite. “Mas só três chegaram”, afirma.

No veículo de Cainã estavam ele, a namorada e o afilhado dela. “Os quatro que estavam no carro com o Matheus e o Emerson eram amigos de amigos meus, que pegaram carona com ele”, explica.

Segundo ele, o grupo passou em uma distribuidora de bebidas no Novo Gama antes de ir para o rancho. Ele, porém, nega que os jovens tenham bebido no caminho. “A gente estava indo em comboio. Passamos numa distribuidora em Lunabel (bairro do Novo gama) para comprar bebida e saímos de lá umas 21h. Mas não bebemos, só iríamos beber lá.”

“Matheus estava indo na frente e nós fomos atrás e chegamos por volta de meia-noite. Mas eles não chegavam e começamos a ficar preocupados. Achamos que poderia ter dado problema no carro dele porque, antes da gente sair, já tinha dado uma pane elétrica – a bateria tinha descarregado, mas fizemos chupeta e ficou tudo certo”, narra.

“À 1h saímos para procurar por eles e não encontramos. Voltamos para o rancho umas 4h e nada. Então, resolvemos esperar o sol nascer para procurar de novo. Pela manhã, eles foram umas 7h, mas eu não fui junto, só soube depois quando fui numa bodega e comentaram por lá que um carro vermelho tinha capotado. Eu fiquei desesperado, voltei para casa chorando. Quando cheguei no local, os bombeiros já estavam lá. Foi uma fatalidade”, completa Cainã.

Confira imagens do acidente:





Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here