Estão abertas até esta sexta-feira (7) as inscrições para o curso on-line e gratuito Diálogos oportunos sobre o Suas (Sistema Único de Assistência Social) A capacitação é voltada para todos os assistentes sociais do Distrito Federal, em especial servidores da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes) e de entidades da sociedade civil, para qualificar o trabalho desses profissionais com o aumento da demanda por serviços e benefícios sociais em meio à pandemia da covid-19.

Fruto de parceria entre a Sedes e o Conselho Regional de Serviço Social 8ª Região (Cress-DF), o curso será realizado nos dias 14, 21 e 28 deste mês e em 4 e 11 de junho, das 8h às 11h30. As inscrições podem ser feitas neste link.

“Com a pandemia, houve um aumento de pessoas em situação de vulnerabilidade e, consequentemente, da demanda por benefícios sociais. O próprio contexto do atendimento que é feito pelo assistente social mudou, assim como o perfil dos beneficiários. Por isso, é necessário trazer esse diálogo para instrumentalizar o profissional com estratégias específicas de intervenção”, explica a secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha.

O Cress-DF ficou responsável pela organização do curso e escolha dos profissionais que vão proferir as palestras e trazer conteúdos atuais que têm impactado no dia a dia dos assistentes sociais.

“O curso vai promover espaços de formação e reflexão com a categoria. É uma oportunidade para que o Cress-DF possa acolher e debater com esses novos trabalhadores que estão chegando, bem como os que já estão atuando, sobre os desafios do Suas, e, também, reafirmar os compromissos éticos e políticos dos assistentes sociais numa conjuntura tão desafiante, além de compor a agenda de ações para o Dia do Assistente Social, comemorado em 15 de maio”, ressalta a presidente do Cress-DF, Karina Figueiredo.

Nos outros quatro dias de curso, os encontros on-line serão fechados para os participantes inscritos. No final, todos receberão um certificado de capacitação de 20 horas

Capacitação

No encontro de abertura, marcado para esta sexta-feira (7), das 8h30 às 11h30, o evento será aberto para o público em geral, inscrito ou não, com transmissão pelo YouTube, em canal ainda a ser definido.

Nos outros quatro dias de curso, os encontros on-line serão fechados para os participantes inscritos. No final, todos receberão um certificado de capacitação de 20 horas. A programação pode ser conferida aqui.

Segundo a coordenadora da Proteção Social Básica da Sedes, Nathália Eliza de Freitas, no curso será instituído um fórum fechado para troca de experiências entre os profissionais. “É um espaço de compartilhamento entre os assistentes sociais. A Sedes, por exemplo, tem dois benefícios muito solicitados nesse período de pandemia, o cartão Prato Cheio e o Auxílio-Calamidade. Nossos servidores poderão atualizar os demais profissionais do Suas sobre as regras dos programas – como o interessado pode solicitá-los, por exemplo. Por outro lado, os nossos servidores poderão conhecer melhor o trabalho dos profissionais que atuam nas Organizações da Sociedade Civil [OSCs]”, pontua a gestora.

Educação permanente

Essa é a primeira vez que a Sedes faz parceria com o Conselho Regional de Serviço Social 8ª Região para promover capacitação voltada a assistentes sociais. Mas a ideia, segundo a coordenadora, é transformar esse curso em educação permanente para trabalhadores do Suas.

A parte técnica do curso Diálogos oportunos sobre o Suas será do GDF, que vai transmitir e disponibilizar todo o material na Escola Virtual da Sedes.

“Além dos 112 assistentes sociais que a secretaria tinha, 73 novos servidores tomaram posse nos últimos meses. Esse curso também é voltado para atualização e capacitação desses novos servidores. Com isso, vamos qualificar o acompanhamento às famílias em risco social”, reitera Nathalia Eliza de Freitas.

Assistente social aposentada e colaboradora do Cress-DF, Ana Lígia Gomes enfatiza que a educação permanente é um direito dos trabalhadores e é constitutiva do Suas. “Por isso, uma atualização sobre os fundamentos do Sistema Único de Assistência Social torna-se imprescindível, para todos, diante das múltiplas dimensões e complexidades das expressões da questão social que se apresentam numa realidade de crescentes e agudas desigualdades sociais”, afirma. “O curso foi proposto de modo que todas as abordagens perpassem a questão das desigualdades sociais e seus impactos no Suas, contando com um grupo de especialistas de várias regiões do país com larga experiência e pesquisa na área”, explicou.

Confira abaixo a programação do curso.:

*Com informações da Sedes

Fonte: Agência Brasília