Na tarde desta segunda-feira (22), o chefe da Casa Civil, Gustavo Rocha, afirmou durante a coletiva de imprensa sobre o balanço das ações do GDF no combate ao coronavírus, que os conselheiros tutelares, agentes do socioeducativo, agentes funerários e fiscais do Procon terão prioridade na vacinação contra a covid-19.

São funcionários que estão diretamente envolvidos com pessoas e situações delicadas, que exige proximidade e até contatoMarcela Passamani, secretária de Justiça

A medida faz parte das ações de enfrentamento ao coronavírus que o governo local tem adotado. Para a secretária de Justiça e Cidadania, Marcela Passamani, “este compromisso demonstra responsabilidade com quem realiza os serviços na ponta. São funcionários que estão diretamente envolvidos com pessoas e situações delicadas, que exige proximidade e até contato. Contudo, diante da pandemia, priorizar estes grupos é mostrar respeito a vida humana e isso o GDF tem feito constantemente. É uma grande conquista da Sejus poder incluir os grupos prioritários de nossa pasta. Ouvimos as necessidades e conseguimos atender esta demanda com o aval do governador”.

As categorias fazem parte das subsecretarias da Sejus e foram incluídas no programa atendendo a um pedido da secretária.

O chefe da Casa Civil, Gustavo Rocha, durante o panorama apresentado em live nas redes sociais, foi enfático ao dizer que “o governador já determinou a inclusão dos grupos prioritários. Além das forças de segurança, os conselheiros tutelares e assistentes sociais. É importante frisar que são pessoas que estão em contato direto com a população e isso passa ser uma prioridade do governo”.

Gustavo Rocha informou ainda, após a coletiva de imprensa, que os agentes do socioeducativo e fiscais do Procon farão parte do grupo prioritário.

Ainda nesta segunda-feira, o secretário de Saúde Osnei Okumoto vai se reunir com conselhos profissionais de saúde para tratar do calendário de vacinação.

Sua Vida Vale Muito

A Sejus começou nesta segunda-feira (22) e vai até a quarta-feira (24) a vacinação para idosos a partir de 69 anos, na Praça dos Direitos em Ceilândia. A ação faz parte do programa Sua Vida Vale Muito em parceria com a Secretaria de Saúde. Em cinco edições já foram vacinados mais de 1.300 idosos na região administrativa.

*Com informações da Sejus

Fonte: Agência Brasília