Curso traz as técnicas de preparo rápido de alimentos com ingredientes acessíveis | Foto: Divulgação/Sejuv

“Para nós, é muito satisfatório ver o engajamento de tantos jovens nos cursos que temos oferecido nos centros de Juventude, e isso só confirma que estamos no caminho certo e que não podemos parar”Kedson Rocha, secretário de Juventude do Distrito Federal

Na tarde desta segunda-feira (22), aconteceu a aula inaugural online do Curso Rápido “Top 3 Receitas — Para fazer e vender”. É mais uma experiência da Secretaria de Juventude do Distrito Federal (Sejuv) para ensinar receitas rápidas e com ingredientes de fácil acesso para que os jovens alunos, além de aprender as técnicas, possam também empreender.

Ministrado pelo instrutor cultural e chef de cozinha Eduardo Henrique, o curso rápido, oferecido pelo projeto Centro de Juventude, foi planejado para o aproveitamento prático e imediato dos aprendizados com o intuito de promover aos jovens rumos para abrir o próprio negócio.

A aula inaugural teve a participação de Kedson Rocha, secretário de Juventude do DF, e do deputado Delmasso, vice-presidente da Câmara Legislativa do Distrito Federal.

O secretário recepcionou os novos alunos e comemorou o início de mais uma turma. “É com muita alegria que dou boas-vindas a cada um de vocês. Para nós, é muito satisfatório ver o engajamento de tantos jovens nos cursos que temos oferecido nos centros de Juventude, e isso só confirma que estamos no caminho certo e que não podemos parar”, declarou.

Jovem não é imune

Ainda durante sua fala, o chefe da pasta reforçou a importância dos cuidados necessários que precisam continuar neste momento de enfrentamento à pandemia, tendo em vista a situação que o Distrito Federal tem enfrentado com aumento de casos de covid-19, especialmente em jovens.

“Quero aproveitar essa oportunidade e destacar a importância de continuarmos tendo cuidado e atenção diante do atual cenário. Lembrem-se: jovem não é imune! Peço para que não se aglomerem, usem máscara e tenha o álcool sempre a postos. Se cada um fizer a sua parte, a gente vai sair dessa mais rápido”, recomendou.

Para o deputado Delmasso, iniciativas como essa são extremamente importantes para a formação da juventude.

“O jovem é empreendedor por natureza, são criativos e cheios de energia, então, cabe aos equipamentos públicos, como o Centro de Juventude, por exemplo, conduzir esse potencial e capacitá-los para colocá-los em prática, promovendo oportunidades que fomentem resultados extraordinários no futuro”, reforçou.

Pão de mel

Fonte: Agência Brasília