O Governo de Goiás, por meio do Instituto de Assistência dos Servidores Públicos de Goiás (Ipasgo), realizou, nesta quinta  e sexta-feira (11 e 12/02), a campanha Ipasgo Solidário, uma ação interna de doação de sangue, em parceria com o Hemocentro de Goiás (Hemogo). A unidade móvel ficou estacionada na garagem do Instituto, e recolheu sangue de 104 colaboradores voluntários e inscreveu 36 pessoas no Cadastro Nacional de Doadores de Medula Óssea.

O objetivo foi reforçar o estoque do Hemogo, neste momento em que os bancos de sangue de todo o País estão passando por desabastecimento, por causa da pandemia de Covid-19. De acordo com o Hemocentro, houve uma queda de 37% nas doações em 2020, se comparado a 2019. “Estamos precisando muito de doações, e a equipe do Ipasgo é muito engajada. Ficamos muito felizes em saber que podemos contar com eles”, comentou a gerente do Ciclo Doador do Hemogo, Layane Marques.

Patrícia Medeiros compõe a equipe da Gerência de Apoio Logístico e de Suprimentos (Gealog) do Ipasgo e foi uma das primeiras a garantir uma vaga. “Foi a minha primeira vez. Estava um pouco apreensiva, mas vi que é muito rápido e simples. Além disso, o sentimento de ajudar outras vidas não tem preço”, afirmou.

A parceria entre o Ipasgo e o Hemocentro vem desde 2014. A novidade deste ano é que, a partir de agora, a ação acontecerá a cada três meses. As datas serão escolhidas de acordo com as agendas do Hemogo e do plano de assistência, e divulgadas com antecedência. “Temos muito orgulho da nossa equipe. Assim que abrimos a agenda, várias pessoas já ligaram interessadas e logo todas as vagas foram preenchidas. Por isso, precisamos prolongar a ação por mais um dia”, observou o presidente do Instituto, Hélio José Lopes, que fez questão de ser um doador.

A Hemorrede Pública de Goiás é responsável por fornecer sangue e hemocomponentes para mais de 200 unidades de saúde em todo o Estado. A demanda média por bolsas de sangue é de aproximadamente 4 mil unidades.

Fonte: Ipasgo-GO

Fonte: Portal Goiás

Deixe uma resposta